Aqui você poderá encontrar muito de mim e espero com isso revelar o que ainda não sabe sobre você. Calma, aqui não será um espaço esotérico. Mas, acredito que no contato com o outro/a descobrimos quem verdadeiramente somos. Sinta-se a vontade em viajar comigo nesses escritos e saiba que o conhecimento é um processo, é uma construção, em que todos/as nós fazemos parte das diversas etapas de sua edificação. Participe desta aventura, venha pescar comigo nesse grande mar que é a vida, onde costuraremos histórias e reflexões acerca dos nossos sentimentos, pensamentos e das coisas da vida, as coisas do dia-a-dia que nos rodeiam.

Seguidores

Postagem em destaque

Eu sempre estive perto de você

terça-feira, 4 de maio de 2010

O canto do uirapuru

Minhas noites claras e meus dias escuros
Olhos abertos esperando tua luz radiante
Meus olhos fecham para ver que não estás aqui
Noites eternas e dias que não chegam
Insônia que incomoda e sono que não vem
Onde está Morfeu? Talvez abraçando meu amor
Pensamentos estranhos que me levam para onde não quero ir
Luto inultilmente contra esses pensamentos complexos
Queria ficar aqui e te esperar de braços abertos
Com meu riso solto cuidar de você e você sorrir
Basta desejar e seguir teu sonho feliz como um horizonte
E eu estarei a te esperar, mas volte antes que clereie o dia
E minhas lutas vencerão a complexidade que se instalou em minha mente
Um pássaro na janela anuncia que a vida pode ser mais bela
Eu, alto, grito: quero, quero ficar contigo
Olho e vejo o azulão do céu como num final de tarde
Bem te vi chegando e abrindo a porta
Sorrindo beija a flor que eu te dei
Abre teus braços de anjo e vejo tua asa branca
E perto de ti serei coruja e velarei teu sono
E de dono da noite me chamará
E você será minha estrela do norte
Serás para mim a mãe da lua e pai da lua eu serei para ti
Como um flautista da mata eu cantarei que o fogo pegou
E gente de fora vem para ver o nosso amor
E em coro dirão que esse amor não pode parar
Só nós seremos o oleiro de nosso amor
Você será minha rolinha e eu o teu rouxinou
E juntos cantaremos um canto silencioso
Dizendo tem, tem amor aqui
Ao som desta melodia adormeceremos e sonharemos
Sonharemos com nossa vida feliz
Felizes desejaremos nunca mais acordar
A madrugada se despede e o sol anuncia uma nova manhã
E antes que a brisa da manhã nos acorde
Ouviremos o canto do uirapuru abençoando nossa vida e nosso amor
E abençoados acordaremos para vivermos nossa vida feliz.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...