Aqui você poderá encontrar muito de mim e espero com isso revelar o que ainda não sabe sobre você. Calma, aqui não será um espaço esotérico. Mas, acredito que no contato com o outro/a descobrimos quem verdadeiramente somos. Sinta-se a vontade em viajar comigo nesses escritos e saiba que o conhecimento é um processo, é uma construção, em que todos/as nós fazemos parte das diversas etapas de sua edificação. Participe desta aventura, venha pescar comigo nesse grande mar que é a vida, onde costuraremos histórias e reflexões acerca dos nossos sentimentos, pensamentos e das coisas da vida, as coisas do dia-a-dia que nos rodeiam.

Seguidores

Postagem em destaque

Eu sempre estive perto de você

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Sereia - o amor é libertação

Onde estás ó pescador?
Há muito te procuro e não te encontro
Sinto saudades dos teus olhos
Do teu sorriso encantador
Da tua voz sedutora
Sem tua presença eu perco minha paz
Minha ansiedade me faz seguir sons errantes
Que imagino serem teus
Os teus sons que sempre foram únicos
Que eu podia distingui-los entre mil sons
Procuro-te nos teus lugares preferidos
Procuro-te nas paisagens mais belas
Procuro-te na calmaria das águas e nas tortuosas tempestades
Procuro-te no pôr do sol e no nascer lua
Morte a nascimento tão lindos
Só comparados ao seu nascer e ao seu morrer
Uma lua que vai e um sol que surge fazendo nascer um novo dia
[e morrer mais uma noite
Fenômenos incomparáveis em que me perdia no tempo
[ao te contemplar contemplá-los
Tentei te encantar com meus cantos
Mas, tu me encantaste com teus encantos
Hoje, canto um canto de saudade que te traz aqui
Meu canto de lamento por não te encontrar
Em minhas águas, estas belas águas que te viram chegar
[e que se harmonizaram com tua chegada
Ó pescador! Por onde andarás?
Foste navegar por outros mares
Foste em busca de novas aventuras
Foste encantar outros leitos
Foste em busca de teus sonhos
Sei que o mundo é tua felicidade
E eu continuo aqui a me contentar com este pedaço do mundo
Que sempre acreditei ser uma imensidão
Imagino-te desbravando o por ti desconhecido
E isso me dar força para ir além
Transcender essa forma de semi deusa e seguir-te
Para isso faço-te um pedido
Traga seu encanto até mim e me liberte desse lugar
Deixe-me ouvir o teu canto de felicidade
E terei a coragem de vencer meu medo e irei contido
Como tua companheira, navegar por outros mares
Venha “Em-canto” meu que eu irei sem pranto e medo
Meu amor por ti é minha libertação.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...