Aqui você poderá encontrar muito de mim e espero com isso revelar o que ainda não sabe sobre você. Calma, aqui não será um espaço esotérico. Mas, acredito que no contato com o outro/a descobrimos quem verdadeiramente somos. Sinta-se a vontade em viajar comigo nesses escritos e saiba que o conhecimento é um processo, é uma construção, em que todos/as nós fazemos parte das diversas etapas de sua edificação. Participe desta aventura, venha pescar comigo nesse grande mar que é a vida, onde costuraremos histórias e reflexões acerca dos nossos sentimentos, pensamentos e das coisas da vida, as coisas do dia-a-dia que nos rodeiam.

Seguidores

Postagem em destaque

Eu sempre estive perto de você

sábado, 15 de agosto de 2009

Cuidado, Correria, Prioridade e Projeto de Vida

Você encontrará neste diálogo virtual, a história de um casal de militantes envolvidos com a educação e evangelização de adolescentes e jovens, que ao discernirem sobre os inúmeros envolvimentos assumidos pela militância, resolveram jogar a toalha. Aqui se encontra apenas uma parte do diálogo, mas que diz muito.
Acreditamos que somos motivados por um “inesgotável” gás de militantes, assumindo um turbilhão de compromisso, mas é fundamental saber o momento de dizer ou gritar: “Chegaaaaaaaaaaaaa! – Preciso Cuidar de Mim”.
Neste momento, é essencial poder contar com verdadeiros amigos/as, que antes de qualquer coisa, nos compreende.

O início...
Bruno e Aline fazem parte de um grupo que presta assessoria na linha da formação de adolescentes e jovens. Em 2008, o grupo foi convidado para assumir uma proposta de formação de educadores em que necessitaria da colaboração de toda a equipe, a formação teria 05 etapas.
Durante as reuniões iniciais de preparação da atividade, Bruno e Aline não puderam participar de nenhuma, contudo, o “casal maravilha” sempre esteve a postos para o trabalho. Sempre contribuíram com as construções virtuais de cada etapa, mesmo envolvidos em outras atividades, além dos compromissos que temos comumente como: estudo, trabalho, namoro etc. Desistir? Jamais!
Mas, chega um momento que não é possível mais fingir que está tudo bem, Bruno e Aline conseguiram perceber isso.
Após a realização da 4ª etapa e sem ter participado da execução de todas realizadas até o momento, o “Casal Militante Imbatível”, se posiciona da seguinte maneira, ao e-mail que convocava o grupo para o planejamento e preparação da 5ª e última etapa desta proposta de formação:
----------------------------------------------------------------------------------

De: Bruno Luz
Enviada em: quinta-feira, 28 de agosto de 2008 12:28
Para: ‘Grupo de Trabalho’;
Assunto: Cuidado, Correria, Prioridade e Projeto de Vida

Olá Pessoal, boa tarde!
Tanto eu e a Aline ficamos felizes com o empenho de todos(as), mas nos sentimos distantes da realização desse trabalho. Pois, como havíamos dito não pudemos (nem poderemos participar de nenhuma reunião). Outro fator que complica é o nosso desgaste. Uma vez que nas últimas três semanas tivemos muito trabalho (Serra, Oficina Interna, Oficina, Apresentação no Dom Silvério, Assessorias, Faculdade, Trabalho, etc.). Enfim, gostaríamos que nos perdoassem, mas está Phoda e precisamos descansar. Reconheço o compromisso que assumimos e o fato do Mauro ter cedido o seu lugar no carro para a Aline. Mas, acreditamos que não iremos contribuir como gostaríamos. Talvez essa não seja a melhor forma de comunicar, e gostaríamos de em uma oportunidade conversarmos diretamente/pessoalmente com o grupo. Sendo assim, pedimos encarecidamente o perdão de vocês e que compreendam que apesar de tudo nos esforçamos, mandando sugestões e lendo parte do material encaminhado, mas temos que jogar a toalha. Perdoem-nos e contem conosco para próximas empreitadas, e podem ter certeza, a falta veio de uma necessidade e sentimos pela falta que daremos à equipe. Pondero que iremos nos programar melhor das próximas vezes.
Apenas para complementar teremos nas próximas três semanas reuniões e assessorias, o que implica mais tempo e descanso para nós mesmos.
Com carinho e certos da compreensão de todos(as)!
Bjus carinhosos! – AlineBC e Bruno Luz
----------------------------------------------------------------------------------

De: Mauro
Enviada em: quinta-feira, 28 de agosto de 2008 14:30
Para: ‘Bruno Luz’; 'Grupo de Trabalho';
Assunto: RES: Cuidado, Correria, Prioridade e Projeto de Vida

Olá Cúmplice de Caminhada,
Ao Bruno,
Lamento muito o ocorrido, entendo e me preocupo. Acompanhei um pouco alguns desses momentos e foi admirável seu envolvimento. Como sei que você tem acompanhado nossa construção virtual, espero que você tenha tido um tempo e lido os materiais aprofundamento deste curso que estamos construindo coletivamente, sobretudo os materiais desta etapa. Pois, entre os materiais desta etapa, enviamos o texto “Carta de um militante”, que até queríamos que você ou Aline dramatizassem, mas não foi preciso, você o está vivendo. O texto apresenta uma realidade em que todos nós que nos encantamos com a evangelização da juventude, que assumimos nosso ministério com amor, e, ao nos vermos como Neotéfilos tendemos a seguir.
A juventude precisa de Neotéfilos inteiros, íntegros, que estejam bem de corpo e de alma, assim, cuidar de nós é pré-requisito indispensável. Somos seres limitados e devemos reconhecer o quanto antes isso. Não são os homens de aço ou as mulheres maravilhas dos quadrinhos ou dos cinemas que a juventude se inspira. A juventude se inspira em pessoas assim, como você, Aline, Zizi, Lelé, eu e muitos outros que se dedicam a estarem ao serviço dela, pois, ela vê em nós, gente, seres humanos como ela. Pessoas comuns, como qualquer jovem. Pessoas possíveis de serem alcançadas, tocadas, que vivem os dramas e a as alegrias de ser gente. E seremos muito mais inspiradores se soubermos lidar com nossos compromissos com cautela, mostrando que sabemos até onde podemos ir. E devemos ir até onde nossas ações não interfiram em nossa saúde mental e corporal.
Jogar a toalha é perceber que temos limites, que precisamos nos reabastecer de fôlego, de carinho, cuidado, e diria até mesmo de Deus, que no ativismo que tendemos a entrar, não sobra tempo para falar com Ele. Jogar a toalha é reconhecer-se humano, e ser humano é ser divino.
Meu Amigo, fico feliz que você resolveu tirar esse tempo para você. Conte comigo. Nesses momentos é bom olharmos para nosso projeto de vida. Beijos carinhosos.
Uma dica: leia o texto: Carta de um militante, ele é muito interessante, sempre me ajudou nesses momentos de entrada nos ativismos desenfreados.
Paz e Vida Longa!
Mauro Rodrigues
----------------------------------------------------------------------------------

De: Bruno Luz
Enviada em: quinta-feira, 28 de agosto de 2008 15:13
Para: 'Mauro'; 'Grupo de Trabalho';
Assunto:RES:RES: Cuidado, Compromissos, Prioridade e Projeto de Vida

Mauro e demais companheiros, boa tarde!
a. Obrigado pelas palavras de carinho e atenção. Se tivesse do meu lado iria lhe dar um beijão e um forte abraço;
b. Eu já havia lido o texto (como alguns outros encaminhados), e foi à luz do mesmo que refleti e partilhei com a Aline a nossa situação. Aliás, ele pode ser um motivador para momentos de retiro/avaliação do nosso grupo;
c. Saibam que estimo muito o nosso trabalho e fico feliz com a sua compreensão.

Vou realmente descansar, dormir, ver filmes, dormir, etc... rsrs! Amo vocês!

Bjus carinhosos!
Nota:
----------------------------------------------------------------------------------
O texto "Carta de um militante" foi publicado na coleção: Processo de Formação na PJ, número 5 - Fazendo História, uma publicação da Casa da Juventude Pe. Burnier.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...