Aqui você poderá encontrar muito de mim e espero com isso revelar o que ainda não sabe sobre você. Calma, aqui não será um espaço esotérico. Mas, acredito que no contato com o outro/a descobrimos quem verdadeiramente somos. Sinta-se a vontade em viajar comigo nesses escritos e saiba que o conhecimento é um processo, é uma construção, em que todos/as nós fazemos parte das diversas etapas de sua edificação. Participe desta aventura, venha pescar comigo nesse grande mar que é a vida, onde costuraremos histórias e reflexões acerca dos nossos sentimentos, pensamentos e das coisas da vida, as coisas do dia-a-dia que nos rodeiam.

Seguidores

Postagem em destaque

Eu sempre estive perto de você

segunda-feira, 14 de maio de 2012

A Física Sentimental

Já faz um tempo que desejo costurar sobre a relação da física ou mesmo da química com os sentimentos humanos, sobretudo, o que chamamos de amor, afinal, sempre ouço as pessoas dizerem: “não rolou química”, “eles tem uma química”, “foi atração fatal”, “não sei, mas nossos corpos se atraem”. O desejo de costurar sobre a física e a química e sua relação com os sentimentos humanos já me acompanham por bastante tempo, e diante deste desejo e dessas falas e tantas outras, iniciei uma costura que deixei entre os acervos de costuras inacabadas do pescador, por não conseguir torná-la uma costura digna de ser apreciada ou mesmo exposta.
Mas, tal costura inacabada que agora exponho limitou-se em alinhavar a relação dos sentimentos humanos e a física, a relação entre estes sentimentos e a química ficará para outro momento, mesmo que seja como esta, uma costura inacabada. E mesmo que inacabada, resolvi postar tal início de costura. Pois, talvez, outros e outras me ajudem a tornar esta costura inacabada em uma bela costura rebuscada e digna de ser apreciada. Mais do que o desejo de costurar sobre tal tema, os últimos dias tem me apresentados desejos e sentimentos que despertam em mim uma necessidade de desenrolar e apresentar as primeiras linhas desta obra, na espera das outras que a aprimorarão. Pois, me vi em uma encruzilhada em que todos os caminham parecem ter um único destino: o sorriso e colo de quem amo.
A Física Sentimental (Do acervo de costuras inacabadas do pescador)
O destino e suas ironias. Quando eu me afasto é aí que eu me aproximo. Quando eu fujo, eu te encontro. É a lei da ação e reação, na qual suas ações geram reações opostas na mesma proporção às ações que você realizou. Você recebe de volta com força igual e oposta todas as suas ações, isso na física é conhecido como reação. É a terceira lei de Newton... Ainda bem que o Sir Isaac Newton foi físico e não poeta. Assusta-me imaginar suas teorias sobre os sentimentos humanos, sobre as relações afetivas que por mais que tenhamos o desejo de evitá-las, por medo das desilusões ou mesmo do sofrimento, no menor descuido, num piscar de olhos, já estamos imersos num mar de sentimos que não sabemos como se instalou em nós. Ao que se refere aos sentimentos humanos, a terceira lei de Newton se aplica integralmente. Seja o sentimento que for ela se aplica. Não precisamos pensar muito para lembrarmos os efeitos desta lei sobre nós. E você, lembra algum momento em que experimentou a física sentimental? Deixe aqui o seu retalho.


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...